facebook  radio site logo4  

 

Newsletter

Inscreva-se aqui para receber as novidades da Diocese de Nova Friburgo.

ABERTURA da Campanha da Fraternidade 2014

A Quarta-Feira de Cinzas nos coloca dentro do mistério da Quaresma, sendo a sua abertura no calendário cristão ocidental. As cinzas que recebemos neste dia são um símbolo para a reflexão sobre o dever da conversão, da mudança de vida – metanóia – recordando a passageira, transitória e efêmera fragilidade da vida humana, sujeita à morte. A Quaresma ocorre quarenta dias antes da Páscoa. A fé católica ensina que a Quarta-Feira é um dia de jejum e abstinência de carne. No tempo quaresmal, a Igreja do Brasil convida seus diletos filhos e filhas a refletir sobre a fraternidade. assim se insere na quaresma a Campanha da Fraternidade.

“Fraternidade e Tráfico Humano”. Esse é o tema da CF 2014. A Campanha, promovida pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), ainda traz como lema “É para a liberdade que Cristo nos libertou”, baseado na passagem bíblica de Gálatas 5. O objetivo é identificar as práticas de tráfico humano em suas várias formas e denunciá-lo como violação da dignidade e da liberdade individual, mobilizando a sociedade brasileira para a erradicação deste mal.

A CNBB disponibilizou o texto-base da Campanha, com informações e estatísticas sobre a questão do tráfico humano, obtidas em órgãos oficiais e organismos internacionais, sobretudo da Organização das Nações Unidas (ONU) e da Organização Internacional do Trabalho (OIT). No Brasil, foram analisados dados do Ministério da Justiça, que apontam que este tipo de crime está presente em todos os Estados da Federação, com mais de 240 rotas de tráfico.

A Providência Divina permitiu que a Campanha da Fraternidade seja realizada na Quaresma, tempo cristão que antecede a celebração da Páscoa, e consequentemente de meditação sobre a ação da Igreja frente aos desafios da sociedade. O lançamento da CF-2014 na Diocese de Nova Friburgo ocorrerá em cada vicariato episcopal, no 1º Domingo da Quaresma. Existe em cada vicariato, diante de sua realidade eclesial, um modo de celebrar a abertura da CF. Os Vigários episcopais juntamente com os sacerdotes e conselho vicarial de pastoral estão organizando esse evento marcante na Igreja do Brasil. Nosso Bispo Diocesano pede o empenho de todos os sacerdotes, agentes de pastorais, coordenadores de movimentos e serviços para que juntos possamos não apenas realizar um exercício de reflexão a este tema, mas também fazer os santos exercícios quaresmais nestas intenções.

Texto: Pe. Wilton Machado

link hotsite3

PARÓQUIAS DA DIOCESE

 

Pensamento da Semana

 Nos murmúrios do coração a melhor atitude é o sossego em Deus.

Dom Edney Gouvêa Mattoso